Categorias



Conferência intermunicipal do idoso reúne mais de 300 participantes

28/11/2018 - Publicado por: Clarissa Borba - Categoria: Social - Tags: conferencia idoso intermunicipal

A 2ª Conferência Intermunicipal dos Direitos da Pessoa Idosa, que acontece nesta quarta-feira (28), no período da manhã e da tarde, no Centro de Convivência, reuniu mais de 300 participantes, entre idosos e pessoas envolvidas com políticas públicas para este público. Estiveram presentes no evento autoridades dos municípios da Amvali, como o prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Antonio Marcos da Silva, a secretária de Assistência Social de Jaraguá, Maria Santin Camello e representantes dos outros seis municípios. O evento iniciou com apresentações do grupo musical e do Coral da Terceira Idade de Jaraguá do Sul. 

A representante dos idosos para o discurso de abertura da conferência, Marilena Arantes, 72 anos, foi aplaudida de pé após falar sobre a importância do idoso para a sociedade, sobre como é difícil envelhecer, “tendo a mente acelerada de tantas experiências já vividas e o corpo cada dia um pouco mais lento”, e o quanto é importante o afeto da família que rodeia o idoso.

A primeira palestra teve como tema “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”, com o fisioterapeuta e professor universitário de ortopedia e traumatologia Norberto Adler Bäumle. O palestrante ressaltou o aumento da expectativa de vida no País, que nos últimos 80 anos aumentou 30 anos. Falou também sobre a importância das atividades físicas orientadas, desde a juventude até a terceira idade, aumentando a qualidade de vida do idoso. “Há desgastes físicos na idade do idoso sim, mas é possível otimizar o que ele pode fazer, mesmo com esses desgastes. Para isso é necessário buscar informação, procurar orientação de profissionais”, explicou Norberto. O fisioterapeuta ainda destacou que, conforme dados deste ano do IBGE, a expectativa de vida de Santa Catarina é a maior do País, com a média de 79,1 anos, o que reforça a importância da discussão de políticas públicas voltadas ao idoso.

A segunda palestra, da assistente social da Prefeitura de Schroeder, Silvania Ferreira, com experiência de 11 anos na área, abordou o papel das políticas públicas na vida do idoso, o que são e como funcionam e como uma conferência pode auxiliar em sua elaboração. “Schroeder tem aproximadamente três mil idosos e estamos caminhando para a elaboração de políticas públicas em saúde e assistência para esse público. Já temos a Política Nacional da Pessoa Idosa e o Estatuto do Idoso que nos auxiliam em como tratar o idoso. Porém precisamos sempre ouvir quem está na ponta (idosos) para conferir se são necessárias atualizações ou mudanças”, esclarece Silvania a respeito da conferência. A partir da conferência intermunicipal, haverá uma conferência estadual da pessoa idosa e, por fim, uma nacional, que reúne e resume os documentos apresentados nos mais diversos cantos do País, com os anseios e propostas dos idosos do Brasil.    

O debate segue quatro eixos temáticos: Direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas (Subeixos: saúde, assistência social, previdência, moradia, transporte, cultura, esporte e lazer); Educação: assegurando direitos e emancipação humana; Enfrentamento da violação dos direitos humanos da pessoa idosa; Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas. Às 16 horas acontece a escolha dos delegados para a conferência estadual e às 17 horas será o encerramento.









Jaraguá do Sul - SC - CNPJ: 83.102.459/0001-23 - Rua Walter Marquardt, 1111 - Barra do Rio Molha - 89259-565 - Caixa Postal 421 - Fone: (047) 2106-8000